Lua Cambará

Lua Cambará é uma heroína trágica da mitologia do sertão cearense. Filha mestiça de um coronel branco com uma escrava, ela nega seu lado negro, perseguindo e maltratando sua gente e semeando ódio e destruição. Lua Cambará nunca conheceu o amor, embora ardesse por um homem e fosse desejada por muitos. Morre em meio à dor e o desespero. Depois de morta, vaga pelo mundo na companhia de um cortejo de almas penadas como ela. Sem merecer um repouso, encanta e assombra as noites sertanejas.

– Quem vem lá? – perguntam.
– É Lua Cambará que segue seu destino de alma penada – respondem do cortejo.


Sua história, sua morte
Pena e sorte, ai de mim...
Uma assombração que passa
Sem princípio, meio e fim.



© ARIA - Todos os direitos reservados • 2018